domingo, 22 de abril de 2012

A ESPADA E AS ARTES MARCIAIS JAPONESAS

Por Sôke Masaaki Hatsumi

 
A espada japonesa é considerada como um signo de esplendor já que possui alma própria. Esta alma é o produto do artesão de espadas que resiste ao suor, ao rigor e ao sofrimento. A alma se intensifica quando a brilhante lâmina vermelha se submerge na água. A essência da espada aumenta mais tarde com a alegria do espadachin que toma posse da lâmina do forjador. Assim, se cria a energia vital da espada japonesa.

A criação de uma espada pode ser comparada com o crescimento de um ser humano. No início, somente está a matéria prima do disperso material de ferro. Depois de submetê-la a muitas sessões de temperamento se cria finalmente uma espada. Se, no entanto, a espada não é temperada por um grande forjador, se converte em algo sen sentido, de pouca força ou distinção. A que é criada por um artista marcial é, por outro lado, um artigo de pureza e magnificência. Além de sua criação, a espada que se cuida de manera imprópria será reduzida à ferrugem. De vez em quando você tem que passar pó e óleo para mantê-la em ótimas condições.

Era normal que um guerreiro era repreendido por não cuidar de maneira respetável sua espada. Da mesma forma, os seres humanos devem ser incentivados a cultivar uma atitude de lustrar a si mesmos e se temperar enfrentando tarefas duras. O guerreiro aspirante incapaz de tal evolução disciplinada nunca se tornará uma "espada" excepcional.

Uma espada não existe para o único propósito de abrir uma ferida. Não importa o quanto boa seja uma espada, seu uso pode resultar em um fio gasto ou em uma terminação irritada pelos elementos químicos do sangue. Há um poema de um espadachin que diz:

"Vitória sem desembainhar a lâmina.
Deve-se empunhar a espada, sem cortar.
Apenas segure.
Compreenda as profundas consequências de acabar com uma vida."


O método de corte usado antigamente consistia em estender e empurrar na direção do corte. Ainda assim, no terceiro mês de Meiji 27, as forças militares japonesas reformaram suas artes tradicionais de Kendô. Os líderes militares adotaram a espada cerimonial de uma só mão dos tempos modernos. Junto com o desenho alterado da espada chegou o corte em movimento puxado para dentro.

Na luta atual de espadas, este corte é extremamente perigoso. Imagine uma cena em que seu adversário te ataca com um corte descendente. Neste momento, suponha que você corta em sua sessão média com o corte-sentado. Então ele será forçado para fente para te cortar abaixo. Se você cortar seu tronco com um corte-empurrado quando ele ia te golpear na cabeça, o lançará para trás e ganhará. Os métodos de espada de filmes como Zatoichi ou Mekura No Oichi se chaman Katate Giri (corte com uma só mão). Isto também pode ser feito se a espada tiver uma lâmina curta e quem a empunhar souber como cortar com um adequado movimento do corpo.

Como nós no Ninpô usamos uma espada com um comprimento de lâmina de 1 Shaku e 4 Sun a 8 Sun (aproximadamente 46 a 57 centímetros),  existem Katás como o Hidari Katate Giri ou lançar Metsubushi (pó cegador) para escapar.

Não é necessário decapitar um inimigo para o matar. Os seres humanos podem ser feridos mortalmente com pequenos cortes, como uma ferida na artéria carótida. A técnica daqueles cujos cortes não incluem o conhecimento dos pontos vulneráveis e deveria ser chamado de "métodos de espada de cortar madeira".

O tamanho da Kataná era aproximadamente de 3 Shaku (91,44cm). Algumas pessoas se perguntam como podiam mover uma espada de 3 Shaku. Estas mesmas pessoas acreditam que uma espada é manejada somente com a força do braço. Estas pessoas devem compreender que uma espada comprida se manipula com um eficiente movimento do corpo e com o encadeamento de vários movimentos.

No Denshô de Kukishin Ryû,  se diz que o primeiro dia do ano de Engen 3 (1338), quando Ashikaga Takuji levou seu exército para Kyoto, Taro Takehide de Kangun enfrentou Yashiro Gonnosuke Ujisato de Batsugun com uma lança. A arma de Ujisato era uma grande espada de 3 Shaku de comprimento, e havia boatos que seu poder era capaz de cortar uma grande árvore. Quando Takehide brandiu sua Yari (lança) contra Ujisato, este dividiu a lança em dois, deixando somente a empunhadura em sua mão. Quando Ujisato tentou cortá-lo em seguida, Takehide usou a técnica de "Rai Un". O destraiu refletindo os raios do Sol com sua empunhadura, assim cegou seu oponente e pôde derrubar Ujisato e arrancar sua cabeça.

A espada tem variado através dos períodos históricos. Começou como um objeto de pedra e logo tomou forma em bronze e mais tarde em aço. Se acreditava que antigamente adotavam uma espada de madeira. A madeira que usavam era a nêspera, o tamanho aproximado era de aproximadamente 91cm com um final curvado para empunhar. Os métodos primitivos de luta com a espada se desenvolveram a partir desta espada de madeira.

No entanto, se você treinar Bôjutsu (técnicas de bastão de 180cm) contra uma espada de 3 Shaku, está claro que entenderá o verdadeiro significado de Tôhô (métodos de espada). Aqui é onde o movimento do corpo e o Mutô (sem espada), o sentido de que todo seu ser se converte em espada, é entendido claramente.

Alguém me preguntou uma vez: "Quantas pessoas se pode cortar antes que uma lâmina comece a corroer? Depois de 5 cortes, a lâmina não estaria afetada pelo contato dos óleos e fluídos corporais?" Que bobagem.

Uma espada envolve muito mais que uma lâmina que corta aos oponentes. Uma espada tem "mãos", "pernas", "cabeça" e "corpo" - igual ao ser humano. Tem que ser capaz de usar a totalidade da arma e todas suas partes (como a empunhadura, o cordão, a bainha, etc.) de uma maneira efetiva. Portanto você deve aprender a empunhar a lâmina enquanto corta, lança, golpea, faz ou recebe bloqueios, cortes, etc.... Despois de aprender tudo isso, conhecerá pela primeira vez o método de espada chamado "Nuki Kazu Kate" (ganhar sem empunhar a espada). Então realmente compreenderá o Gokui (segredo) de Mutô (desarmar um espadachin).

Nota: Shaku é a antiga unidade de medida do Japão.
1 Shaku equivale a 30,30cm
1 Sun equivale a 3,03cm

Nenhum comentário:

Postar um comentário

POSTAGENS RECENTES

POSTAGENS MAIS VISTAS